CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com redação final
Sessão: 184.3.54.O Hora: 9h18 Fase: BC
  Data: 26/06/2013

Sumário

Regozijo com a votação pela Casa de proposições de interesse da sociedade brasileira. Realização de movimento popular, hoje, no Distrito Federal.




O SR. PRESIDENTE (Amauri Teixeira) - Concedo a palavra ao Deputado Plínio Valério.
O SR. PLÍNIO VALÉRIO (PSDB-AM. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, eu passei 2 semanas discursando aqui, falando alto e gritando, sobre essa questão do manifesto das ruas, e reafirmando que ignorar o recado das ruas é a mesma coisa que um paciente ignorar o remédio receitado. Na melhor das hipóteses, vai continuar doente.
Hoje, posso falar calmamentee elogiar o dia que tivemos ontem, a noite e a madrugada. Fiquei feliz. Pela primeira vez desde que estou aqui, realmente fizemos uma sessão altamente produtiva. Etemos que continuar nesse embalo.
E tive a felicidade, Sr. Presidente, de dizer que a Presidente Dilma Rousseff, numa jogada de marketing, estava transferindo toda a responsabilidade para o Congresso Nacional, e que nós deveríamos, então, pegar essa bola, matá-la no peito, amortecê-la na coxa e fazer o gol. E, para minha alegria, a manifestação em Brasília, hoje, vai ser assim: vão chutar 800 bolas no rumo do Congresso. Vão estar dizendo o seguinte: A bola está com vocês. Então, a bola está conosco desde ontem. Vamos trazer para cá o fim da votação secreta, essa história da cura gay, botar a limpo e, se for verdade, acabar com isso. E continuar nesse embalo. Como eu costumo dizer, não dói nada trabalhar seguidamente. Estamos aqui para isso.
Então, hoje, é pausado, é calmo, porque reflete a felicidade em que eu fiquei de poder colaborar. E também de votar a proposta sobre o repasse de recursos do Fundo de Participação dos Estados, de poder colaborar com o meu Estado, o Amazonas, de estar aqui sempre atento, votando.
E vou repetir, para encerrar: nós políticos demonstramos que não é preciso ter medo. Não devemos ter medo da verdade. E a verdade, por nenhum minuto, deve nos ofender. Não nos ofendeu. Resultado: trabalhamos. E trabalhamos para o País.
A bola está conosco, o povo a passou para nós. Vamos continuar no rumo do gol e fazer o gol.
Obrigado, Sr. Presidente.


DEPUTADO FEDERAL, ATUAÇÃO, ATENDIMENTO, PAUTA, REIVINDICAÇÃO, POPULAÇÃO, MANIFESTAÇÃO COLETIVA, TENSÃO SOCIAL, AMBITO NACIONAL, APOIO.
oculta