CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com reda����o final
Sessão: 084.3.53.O Hora: 11:56 Fase: BC
Orador: INOCÊNCIO OLIVEIRA, PR-PE Data: 29/04/2009


O SR. PRESIDENTE
(Michel Temer ) - Concedo a palavra ao Sr. Inocêncio Oliveira.
O SR. INOCÊNCIO OLIVEIRA (PR-PE. Pronuncia o seguinte discurso.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, é com justa alegria que o Conselho de Altos Estudos e Avaliação Tecnológica (CAEAT), da Câmara dos Deputados, reuniu-se no último dia 15 de abril, tendo como convidado o Dr. Roberto Amaral, ex-Ministro da Ciência e Tecnologia e Diretor-Geral pelo Brasil da Binacional Alcântara Cyclone Space - ACS, empresa criada para desenvolver tecnologia espacial entre o Brasil e a Ucrânia e responsável pelos serviços de lançamento de satélites em bases comerciais para o mercado mundial, a partir do Projeto Cyclone-4.
Entre os objetivos do projeto está o de suprir os 2 países da capacidade de lançar seus próprios veículos e satélites, atendendo a requisitos de segurança e garantindo acesso independente ao espaço com fins pacíficos.
Na oportunidade, o Dr. Roberto Amaral fez uma apresentação abordando as dificuldades políticas e financeiras com que o programa espacial brasileiro vem se deparando, como os cortes orçamentários, os atrasos no cronograma, a reivindicação de titulação de terras da área projetada para o empreendimento espacial pelos quilombolas e outras questões relevantes.
Ao tempo em que gostaria de cumprimentar e agradecer a presença a tantos convidados e Parlamentares ilustres, permitam-me dizer que a apresentação fez parte de um ciclo de palestras que programamos sobre o tema aeroespacial brasileiro.
Nosso primeiro convidado foi o Diretor do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais - INPE, Dr. Gilberto Câmara, que tratou do programa de satélites sino-brasileiros de observação da terra.
Ao término da apresentação do Dr. Amaral, foi franqueada a palavra e aberto o debate entre todos os Parlamentares presentes. Foi uma reunião das mais importantes para o desenvolvimento socioeconômico e tecnológico do nosso País.
Hoje, às 14h, o Dr. Carlos Ganem nos falará sobre a Agência Espacial Brasileira e diretrizes e ações que norteiam a política espacial no Brasil, encerrando essa etapa.
Todos chegaram à conclusão de que o Programa Aeroespacial Brasileiro deve ser entendido como um projeto de Nação.
Posteriormente, creio ser bastante provável que o tema enseje estudo mais aprofundado, o que faremos, como sempre, com o apoio da Consultoria Legislativa da Casa e em parceria com as Comissões Permanentes que também tratam da matéria.
Muito obrigado.