CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com reda����o final
Sessão: 084.3.53.O Hora: 09:26 Fase: BC
Orador: CELSO MALDANER, PMDB-SC Data: 29/04/2009




O SR. CELSO MALDANER - Sr. Presidente, peço a palavra pela ordem.
O SR. PRESIDENTE (Nelson Marquezelli) - Tem V.Exa. a palavra.
O SR. CELSO MALDANER (Bloco/PMDB-SC. Pela ordem. Pronuncia o seguinte discurso.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, há décadas o cooperativismo catarinense vem dando exemplo de excelência a todo o Brasil. Sob a bandeira do cooperativismo, no oeste de Santa Catarina, prosperam milhares de pequenos produtores rurais.
O modelo catarinense de desenvolvimento está fortemente vinculado às pequenas e médias empresas, às pequenas propriedades rurais. E, através da vocação regional, Santa Catarina se destaca entre os Estados brasileiros e figura na condição de Estado modelo, com diferenciações para o Brasil e para o mundo.
A Cooperativa Regional Itaipu, de Pinhalzinho, uma gigante do cooperativismo catarinense, completou 4 décadas neste mês de abril. Capitaneada pelo atual presidente, Arno Pandolfo, a Cooperativa Regional Itaipu atua nos Municípios de Pinhalzinho, Modelo, Saudades, Sul Brasil, Serra Alta, Bom Jesus do Oeste e Saltinho.
Fundada em 26 de abril de 1969, nasceu com o nome de Cooperativa Agrícola Mista Pinhalense, sob a presidência de Demétrio Brancher. Seus 25 fundadores estabeleceram como objetivos a armazenagem de milho, trigo e feijão e a independência em relação aos comerciantes na venda da produção e na compra dos insumos. Passaram a ter o seu próprio negócio.
A diversificação da produção foi inevitável, consolidando novos objetivos: o estímulo, o desenvolvimento progressivo, a defesa das atividades econômicas de caráter comum dos associados e a industrialização. Essa determinação fez da cooperativa a reguladora de preços dos produtos e insumos agropecuários no mercado onde atua, sempre defendendo o segmento e buscando a melhor oferta, tanto na compra como na venda, contribuindo em 100% na geração e repasse de impostos e contribuições.
Após alguns anos, uniu-se com a Cooperativa Mista Modelense e passou a se chamar Cooperativa Regional Itaipu. Com maior área geográfica, ampliou o número de associados e cresceu o volume da produção. Novas filiais foram abertas,e aumentou a capacidade de armazenagem. Com visão empresarial e com decisões de longo prazo, a COOPERITAIPU, mais uma vez, ampliou a sua área geográfica de atuação, quando somou força com os associados da Cooperativa Agropecuária Saudades, em 1987.
Todo esse crescimento aconteceu com base no princípio de uma sociedade de pessoas e não de capital. Por isso a COOPERITAIPU exibe junto a sua logomarca o slogan: Uma Sociedade de Pessoas,que, no caso da Itaipu é formada por mais de 2 mil associados.
Com uma diretoria atuante e comprometida, a cooperativa realiza ainda um dos maiores eventos de transferência de tecnologias agrícolas, transformando os tradicionais dias do campo em uma grande escola a céu aberto. Refiro-me ao Itaipu Rural Show, desenvolvido no Centro de Treinamento e Difusão de Tecnologias, localizado no Km 580 da BR-282, em Pinhalzinho. É o investimento da cooperativa no conhecimento do empresário rural.
Nesses 40 anos, a COOPERITAIPU vem contribuindo significativamente para o desenvolvimento e o fortalecimento de toda uma região e figura entre as grandes instituições do Estado de Santa Catarina.
Muito obrigado.