CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Com redação final
Sessão: 045.3.55.O Hora: 9h38 Fase: BC
  Data: 23/03/2017

Sumário

Vantagens para o agronegócio da aprovação do projeto de terceirização dos contratos de trabalho. Necessidade de apuração de responsabilidades dos prejuízos causados ao País pela forma de divulgação da Operação Carne Fraca, da Polícia Federal. Defesa de criação de Comissão Externa para investigação do caso.




O SR. PRESIDENTE (Delegado Edson Moreira) - Tem a palavra o Deputado Valdir Colatto, por 3 minutos.
O SR. VALDIR COLATTO (PMDB-SC. Pela ordem. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, eu gostaria de fazer uma análise sobre o que está acontecendo com o agronegócio brasileiro, área que mantém o Brasil em pé, gera 30% dos empregos e segura a balança comercial. É o único setor que cresce e absorve os desempregados da cidade. Agora, com a terceirização, absorverá muito mais, porque a agricultura brasileira vai poder contratar legalmente trabalhadores para fazer a colheita e tarefas sazonais típicas da agricultura. Muitas vezes, é preciso contratar trabalhadores sem uma legislação específica, aplicando-se a legislação trabalhista urbana na área rural, o que é totalmente diferente.
Nós precisamos colocar o Brasil nos trilhos, como hoje ouvimos em entrevista do Presidente Michel Temer ao canal GloboNews, dizendo que nós temos que reinstitucionalizar o Brasil, que cada um tem que fazer a sua parte — Executivo, Legislativo e Judiciário —, mas obedecendo a uma hierarquia.
Quando há uma operação como a Carne Fraca no Brasil, mas nem o Ministro da Justiça nem o Ministro da Agricultura tinham conhecimento dela, acho que está faltando responsabilidade dos estão no comando desse processo de polícia e de investigação na área sanitária. O Ministro Osmar Serraglio, com certeza um homem de bem, que está nesta Casa há mais de 20 anos e todos nós o conhecemos, agora está sendo atacado como se fosse culpado pelo que estáacontecendo em relação à Operação Carne Fraca.
Nós temos que colocar tudo no seu devido lugar e, com certeza, responsabilizar aqueles que vendem na mídia uma imagem do País que não é a verdadeira, aqui e lá fora.
Ora, nós brasileiros temos que defender o Brasil. No mundo, os meios de comunicação sempre procuram ajudar o próprio país a manter uma boa imagem. Parece que aqui virou moda falar mal do Brasil, denegrir a sua imagem. Quem está por trás disso? Quem tem interesse em fazer isso? Essa é a pergunta para a qual temos que buscar a resposta.
Certamente, esta Casa tem que se movimentar, tem que criar uma Comissão Externa para apurar responsabilidades daqueles que sem justificativa fizeram tanto mal à economia brasileira, principalmente para a agricultura. Milhares de pessoas estão desempregadas. Poucas ou quase nenhuma empresa teve problema. Eram operações que se faziam normalmente. Quando havia um problema pontual, o Ministério da Agricultura resolvia e, se fosse preciso, punia o responsável.
Hoje, entretanto, está generalizada a ideia de que todo o agronegócio, toda a agroindústria está cometendo crimes. Por consequência, os nossos agricultores estão sofrendo. Milhares de trabalhadores estão desempregados. O nosso agricultor agora não tem para quem entregar o seu produto, cujo preço já está caindo. As pessoas dizem que, ao cair o preço, ficará bom para a dona de casa, para o supermercado. Só que esse agricultor vai deixar de produzir e, ali na frente,o preço dos produtos vai ser muito maior. Assim, com certeza, quem vai pagar a conta é o consumidor. Essa éa realidade que nós temos que analisar concretamente, Sr. Presidente.
Obrigado.


AGRONEGÓCIO, FAVORÁVEL, TERCEIRIZAÇÃO, AVALIAÇÃO POSITIVA. AGRONEGÓCIO, ECONOMIA, PREJUÍZO, OPERAÇÃO CARNE FRACA, POLÍCIA FEDERAL, OPERAÇÃO POLICIAL, TEMA, INVESTIGAÇÃO, COMISSÃO EXTERNA, CRIAÇÃO, DEFESA.
oculta