CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 80.2021.B Hora: 16:20 Fase: BC
Orador: ALENCAR SANTANA BRAGA, PT-SP Data: 22/09/2021

 O SR. ALENCAR SANTANA BRAGA (PT - SP. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, em primeiro lugar, manifesto também a nossa solidariedade e apoio à Deputada Vivi Reis.
Não dá para esta Casa aceitar qualquer tipo de ameaça a qualquer Parlamentar. O que S.Exa. relatou aqui é grave. Esperamos que, de fato, o DEPOL, o Parlamento, a Câmara dos Deputados tome providências, dando todo o apoio à Deputada e exigindo esclarecimentos acerca do que ocorreu e providenciando para que haja a devida punição.
Todo o nosso apoio e a nossa solidariedade à Deputada Vivi Reis.
Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, demais pessoas que nos acompanham, quero aqui contrariar o movimento que está adotando como palavra de ordem o "Fora, Bolsonaro!". Eu vou inverter. Eu quero defender - e apresentei um projeto nesse sentido - o "Fica, Bolsonaro!", mas fica longe do Brasil, bem distante, porque a sua política é criminosa, genocida, cruel com o nosso povo e você, a todo momento, envergonha o nosso País.
Apresentei um projeto, junto com o Deputado Reginaldo Lopes, para que só possa ingressar no País quem estiver vacinado.
O Presidente rapidamente voltou. Estava com medo de que algo fosse aprovado com urgência. Já está em território nacional. Mas torcemos e esperamos que esta Casa aprove esse projeto e, principalmente, que o Presidente, que não se vacinou, vá novamente para fora do País e não regresse. Esse é o desejo da maioria do povo brasileiro: que urgentemente ele deixe a Presidência, porque a sua irresponsabilidade é grande.
Quero dizer claramente que esse é um projeto que visa a saúde coletiva. Vários países tomaram medidas nesse sentido durante a pandemia, impedindo que pessoas, inclusive nacionais, ingressassem no seu território se não estivessem vacinadas.
Nós ainda estamos vivendo a pandemia. Podemos ter novos surtos, novas variantes, podemos ter outras pandemias, e o projeto diz que a pessoa não vacinada durante uma pandemia, em existindo vacina, não pode ingressar no território nacional. Isso também serve para o Presidente da República. Afinal de contas, ele é um cidadão como qualquer outro e não está acima da lei.
Então, nosso desejo é claramente que o Bolsonaro fique, mas fique fora do Brasil, longe daqui, e o nosso projeto viabiliza isso. Esse será o grande feito do Presidente Bolsonaro, que até agora não fez nada de bom para o País: que ele viajasse, que a Câmara dos Deputados aprovasse esse projeto e que ele não retornasse ao Brasil.
Por isso, vamos continuar defendendo que o projeto "Fica, Bolsonaro!" seja aprovado nesta Casa. É a maneira mais rápida de ele sair da Presidência da República.