CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 423.2019 Hora: 11h12 Fase:
  Data: 17/12/2019

Sumário

Realização do 32º Congresso da Comunidade Muçulmana da América Latina, em São Paulo, Estado de São Paulo. Apresentação do Projeto de Lei nº 10.941, de 2018, sobre a instituição do Dia Nacional da Comunidade Muçulmana no Brasil.

 O SR. VICENTINHO (PT - SP. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, no último dia 13 eu tive a honra de participar do 32º Congresso da Comunidade Muçulmana da América Latina. Ocorrido em São Paulo, o congresso durou 3 dias, 13, 14 e 15, com pessoas de todos os cantos do planeta, em especial da nossa América.
Ali, discutiu-se a paz; ali, discutiu-se a solidariedade; ali, discutiu-se o respeito a outras religiões, inclusive estavam lá representantes da Igreja Católica, estavam lá representantes da comunidade de matriz africana, por exemplo, a Mãe Adriana, estavam lá evangélicos. Foi um belo momento, um momento em que se provou ser possível que nós vivamos em paz, não com esse ódio estimulado, criado e destilado por quem não tem argumento no que se refere à luta pela democracia e por direitos.
Eu quero inclusive, Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, informar que eu sou autor do Projeto de Lei nº 10.941, de 2018, que cria o Dia Nacional da Comunidade Muçulmana no Brasil, numa demonstração de respeito que nós devemos ter e de valorização.
Muitos, inclusive em pronunciamentos feitos aqui, na semana passada, quando reagiram contra uma reportagem do canal Netflix, disseram que, se fossem muçulmanos, por alguma crítica a alguém da comunidade muçulmana, já soltariam bombas, como se pelo fato de ser muçulmano todo mundo fosse terrorista, todo mundo jogasse bomba.
Isso é um despreparo, isso é ruim, isso estimula inclusive reações contrárias a uma comunidade que veio ao Brasil, produziu, atua no comércio e promove solidariedade.
Quero mandar um abraço, portanto, ao Sr. Saifi, que é, digamos, o benfeitor, o líder desse congresso, que atua na mesquita em São Bernardo do Campo, à sua família e aos amigos que vieram de todos os cantos, e agradecer pela oportunidade de participar desse congresso.
Peço apoio aos Srs. Deputados. Oportunamente, esse projeto de lei virá ao Plenário, ou não. O Relator desse projeto é o nosso querido Deputado Waldenor Pereira, um bom baiano. O projeto de lei que cria o dia nacional se refere ao dia 24 de janeiro, dia em que a comunidade malê, exatamente num período consagrado, que é o período do Ramadã, foi massacrada quando lutou por direito à liberdade.
Viva a tolerância! Viva o respeito religioso!
Obrigado, Presidente.


CONGRESSO DA COMUNIDADE MUÇULMANA DA AMÉRICA LATINA (32:2019, SÃO PAULO (SP)). PL 10941/2018, PROJETO DE LEI ORDINÁRIA, CRIAÇÃO, DIA NACIONAL DA COMUNIDADE MUÇULMANA DO BRASIL, COMEMORAÇÃO, JANEIRO, CULTURA (CIÊNCIAS SOCIAIS), ISLAMISMO, RELIGIÃO, APROVAÇÃO, DEFESA.
oculta