Cultura

Casais em situação de rua são tema de exposição de fotografias na Câmara

04/07/2024 - 07:55  

A Câmara dos Deputados abre nesta segunda-feira (8), no Espaço do Servidor, a exposição Amor de Papelão, com 12 fotografias em preto e branco que retratam as relações afetivas de quem vive na rua. O trabalho é resultado da pesquisa etnográfica da tese de doutorado de Ana Figueiredo, intitulada "Amor de Papelão: trajetórias de casais em situação de rua na cidade do Rio de Janeiro".

As imagens mostram os aspectos subjetivos das relações conjugais vividas na rua, além dos desafios do cotidiano, a improvisação da casa, do local de banho, do preparo das pequenas refeições e os espaços onde são desenvolvidas as relações afetivas. As fotos revelam miséria, indigência, solidão e, ao mesmo tempo, mostram a existência das redes de afetos possíveis.

Desafios
O conjunto de fotografias encara o desafio de romper com estereótipos atribuídos a pessoas em situação de rua e contribui para ampliar a visão sobre o modo de viver e as relações afetivas dessa população. A mostra ainda revela particularidades de cenas do cotidiano e das rotinas dos casais, mesmo diante da precariedade do corpo, percebido pela aparência da pele, do cabelo, das unhas e dos dentes.

Ana Figueiredo é de São Luiz (MA), mas vive e trabalha no Rio de Janeiro há 24 anos. Desde a pandemia, em 2020, se dedica à arte de fotografar a rua e utiliza a imagem como instrumento para dar visibilidade a uma realidade presente no cotidiano da população em situação de rua, comum às grandes cidades brasileiras. A artista é doutora em Ciências Sociais pela PUC Rio e mestre em Serviço Social pela Universidade Federal do Maranhão. Atualmente, trabalha como assistente social da prefeitura do Rio de Janeiro.

Centro Cultural

A exposição Amor de Papelão foi selecionada por meio de edital pelo Centro Cultural em 2023. A exposição faz parte da agenda cultural da Câmara dos Deputados, que nos últimos 10 anos, foi responsável por mais de 150 exposições artísticas e históricas. Os catálogos das principais exposições podem ser acessados na plataforma Issuu do Centro Cultural.

Serviço:
Exposição Amor de Papelão
Visitação:
 de 8 de julho a 8 de agosto, de segunda a sexta-feira
Local: Espaço do Servidor, Anexo II da Câmara dos Deputados