Saúde

Iluminação laranja da Câmara integra ações de campanha de prevenção ao câncer de pele

Cor também homenageia o Dia Internacional dos Direitos Humanos e a campanha 21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher

08/12/2023 - 10:25  

A Câmara dos Deputados recebe iluminação laranja deste domingo (10) até 15 de dezembro em apoio ao Dezembro Laranja — campanha nacional de prevenção ao câncer de pele. A iniciativa foi criada em 2014 pela Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) para alertar a população sobre a importância do diagnóstico e do tratamento precoces, informar sobre as opções terapêuticas disponíveis e destacar os cuidados que devem ser incorporados à rotina diária.

Neste ano, a mensagem central da campanha é “Cada um com a sua prevenção”, com o objetivo de ressaltar que as medidas de proteção contra o câncer de pele devem ser individualizadas, levando em consideração a história de vida de cada pessoa. Além de mutirões gratuitos para identificar casos novos da doença, as ações envolvem a conscientização da população sobre a importância da adoção de hábitos de fotoproteção, como o uso de chapéu, óculos de sol e protetor solar.

Sobre a doença
O câncer de pele é o tipo de neoplasia com maior incidência no Brasil, com cerca de 180 mil novos casos por ano, segundo a SBD. Quando descoberta no início, a doença tem mais de 90% de chances de cura. Por isso, de acordo com a entidade, a população deve ficar atenta aos sinais e sintomas, buscando ajuda junto a um médico dermatologista assim que os notar.

Direitos Humanos
A iluminação laranja também homenageia o Dia Internacional dos Direitos Humanos (10 de dezembro) e a campanha 21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher.

O Dia Internacional dos Direitos Humanos foi estabelecido pela Assembleia Geral das Nações Unidas (ONU) em 1950. O objetivo é celebrar a proclamação da Declaração Universal dos Direitos Humanos, adotada em 10 de dezembro de 1948. Além da iluminação laranja, neste domingo (10), das 18h às 21h, haverá ainda a projeção mapeada de frases e imagens comemorativas dos 75 anos do evento.

A campanha "21 Dias de Ativismo pelo Fim da Violência contra a Mulher” é parte de um movimento internacional realizado anualmente em cerca de 150 países - "16 dias de ativismo". Internacionalmente, a campanha começa em 25 de novembro (Dia Internacional da Não-Violência contra as Mulheres) e termina em 10 de dezembro, data da proclamação da Declaração Universal dos Direitos Humanos. No Brasil, devido à dupla vulnerabilidade da mulher negra, ela começa em 20 de novembro, Dia Nacional da Consciência Negra, e é chamada de "21 Dias de Ativismo pelo fim da Violência Contra as Mulheres".