CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 256.3.55.O Hora: 10h46 Fase: BC
  Data: 14/09/2017

Sumário

Necessidade de esclarecimento de encontro do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, com advogado da empresa JBS.

O SR. ROBERTO DE LUCENA (PV-SP. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, a imagem divulgada amplamente pela imprensa do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, há alguns dias reunido e bebendo com o advogado da JBS, atrás de caixas de cerveja, num boteco aqui em Brasília, é tão constrangedora, acintosa e horrenda quanto a imagem dos 51 milhões de reais encontrados por uma operação da Polícia Federal em um apartamento em Salvador, na Bahia.
Que momento constrangedor, que momento amargo é este pelo qual passamos no Brasil!
Há um desalento, Sr. Presidente, uma frustração, um sentimento de impotência que permeia a sociedade, entre os homens e mulheres de bem deste País.
Por outro lado, está evidente que vivemos uma importante transição e que o Brasil que nós viveremos e seremos daqui para frente será absolutamente diferente daquele que vinha sendo construído, daquele que vinha sendo conduzido por trás dos bastidores.
No entanto, é absolutamente necessário que a luz seja lançada sobre todos esses fatos, sobre todos esses episódios, e que todas as pessoas envolvidas em circunstâncias nebulosas, duvidosas, em situações ilícitas, possam se explicar com a sociedade e com a Justiça.
O Procurador Janot está sob suspeição diante desses comportamentos. E esperamos o aprofundamento das explicações de Marcelo Miller.
Reconhecemos o grande trabalho que a Polícia Federal tem feito, assim como a sua contribuição para ajudar nesta transição do Brasil que nós somos para o País que desejamos e haveremos de ser.
Que haja luz, porque a verdade liberta!
O SR. PRESIDENTE (Carlos Manato) - Muito obrigado.
O pronunciamento de V.Exa. será divulgado no programa A Voz do Brasil.



RODRIGO JANOT, PROCURADOR-GERAL DA REPÚBLICA, JBS, EMPRESA, ADVOGADO, REUNIÃO, ESCLARECIMENTO, NECESSIDADE.
oculta