CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 161.1.55.O Hora: 19h18 Fase: OD
  Data: 17/06/2015

Sumário

Reconhecimento pelo Estado do Paraná dos resultados positivos da atuação do Ministro dos Transportes, Antônio Carlos Rodrigues. Anúncio de participação do orador em reunião com representantes dos transportes rodoviários, em Curitiba, Estado do Paraná.

O SR. GIACOBO (PR-PR. Pronunciamento encaminhado pelo orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, "os investimentos em ferrovias e rodovias, que pretendo manter e ampliar, deram grande melhoria à logística de transporte de cargas do país e ofereceram melhores condições para distribuição da produção nacional. Além de derrubar os custos ao mercado, têm diversificado e integrado a malha de transporte brasileira." Com estas palavras, o ex-Senador pelo Estado de São Paulo, advogado e empresário Antônio Carlos Rodrigues assumiu o Ministério dos Transportes, em 1º de janeiro de 2015.
Naquela oportunidade, o Ministro Antônio Carlos Rodrigues, que sucedeu no cargo a Paulo Sérgio Passos, lembrou que sempre esteve vinculado às questões de transporte, desde quando integrou, em 1990, o Conselho Administrativo da Companhia do Metropolitano de São Paulo (Metrô), até os dias atuais, tendo exercido neste período relevantes atribuições: procurador, secretário parlamentar, chefe de gabinete da Assembleia Legislativa, vereador por três legislaturas consecutivas, secretário-geral da direção nacional do Partido da República (PR), entre outras.
Compete prioritariamente ao Ministério dos Transportes a política de transportes dos modais ferroviário, rodoviário e aquaviário, bem como ações relativas à marinha mercante, às vias navegáveis e aos portos fluviais e lacustres. A coordenação dos transportes aeroviários e serviços portuários também é de sua competência. Citam-se ainda: Programa de Investimento em Logística - PIL (rodovias e ferrovias); Programa de Aceleração do Crescimento - PAC (rodovia, ferrovia e hidrovia); Plano Hidroviário Estratégico - PHE; Programa Nacional de Segurança e Sinalização Rodoviária - BR Legal; Programa Nacional de Controle Eletrônico de Velocidade - PNCV; Projeto da Rede Nacional de Transporte Rodoviário Interestadual e Internacional de Passageiros - ProPass; entre outros
.
No Paraná, existe um grande número de obras necessárias à continuidade de seu processo de desenvolvimento. Situadas em diversas regiões, são objeto de demandas frequentes da população e das autoridades. Entre as mais importantes estão a segunda ponte sobre o Rio Paraná (Binacional), na BR-277; o trecho rodoviário Campo Mourão-Palmital, na BR-158; o trecho rodoviário Toledo-Marechal Cândido Rondon, na BR-163; o trecho rodoviário Cascavel-Marmelândia, na BR-163; o trecho rodoviário Porto Camargo-Campo Mourão, na BR-487; o acesso rodoviário ao Porto de Paranaguá, na BR-277, entre outras.
Assim, Sr
. Presidente, Sras. e Srs. Deputados, o Paraná vê com grande simpatia e esperança o trabalho que o Ministro Rodrigues está realizando, pois que inteiramente voltado para a continuidade e implantação de iniciativas que o nosso povo tanto aguarda, por sabê-las necessárias à construção da pujança econômica do Paraná.
A propósito, estaremos no dia 19 de junho próximo em Curitiba para participar de reunião com o setor rodoviário, ocasião em que será apresentado o Plano de Concessão das BRs 476, 153 e 282, como também o de obras de duplicação da BR-116, no trecho de Mandirituba.
Muito obrigado.



ANTÔNIO CARLOS RODRIGUES, MINISTRO DE ESTADO, MINISTÉRIO DOS TRANPORTES, ATUAÇÃO, RECONHECIMENTO, PARANÁ. GIACOBO, DEPUTADO FEDERAL, PARTICIPAÇÃO, REUNIÃO, REPRESENTANTE, TRANSPORTE RODOVIÁRIO, CURITIBA (PR).
oculta