CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 131.3.55.O Hora: 10h14 Fase: BC
  Data: 24/05/2017

Sumário

Criação de curso de Agronomia para filhos de trabalhadores assentados pela reforma agrária.

O SR. ZÉ SILVA (SD-MG. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, Sras. e Srs. Parlamentares, enquanto o País vive esta turbulência, eu quero falar de uma agenda positiva para Minas e para o Brasil.
Na segunda-feira, estivemos com a Direção Nacional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária - INCRA e com agricultores familiares assentados da reforma agrária no Triângulo Mineiro e no Alto Paranaíba, para promover, pela primeira vez na história da reforma agrária em Minas Gerais, um curso de Agronomia para filhos de assentados. Esse curso tem a metodologia da pedagogia da alternância, em que os alunos, os moços e as moças do campo, ficam um período na escola, na universidade, outro período na propriedade dos seus pais.
Enquanto a reforma agrária, já com 30 anos, não avançou como deveria avançar e apenas 25% dos agricultores recebem assistência técnica, nós teremos, daqui a 5 anos, mais 50 agrônomos e agrônomas, filhos de assentados, para fazer o desenvolvimento sustentável e levar qualidade de vida ao campo.
Peço que este discurso seja veiculado nos meios de comunicação da Casa.
Obrigado.
O SR. PRESIDENTE (Carlos Manato) - Obrigado, Deputado.



AGRONOMIA, FILHO, TRABALHADOR RURAL, ASSENTADO, REFORMA AGRÁRIA, CRIAÇÃO, APOIO.
oculta