CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 061.3.55.O Hora: 14h30 Fase: BC
  Data: 05/04/2017

Sumário

Importância do início das operações da Companhia Siderúrgica do Pecém, no Município de São Gonçalo do Amarante, Estado do Ceará. Congratulações a ex-Governadores e ao atual Governador, Camilo Santana, pelo compromisso com avanços econômicos no Ceará.

O SR. JOSÉ AIRTON CIRILO (PT-CE. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, eu queria destacar importante acontecimento que tivemos ontem no Ceará, nosso Estado: o funcionamento da Companhia Siderúrgica do Pecém, em São Gonçalo do Amarante.
Esse é um sonho de um investimento privado, um dos maiores do País, que, de certo modo, vai mudar o perfil socioeconômico do Ceará, que fez um investimento em torno de 540 milhões de reais. Com o funcionamento dessa siderúrgica, que está localizada também na Zona de Processamento de Exportação, haverá um marco importante para a atração de novos investimentos para o nosso Estado.
Eu quero saudar todos aqueles que participaram da viabilização desse projeto, todos os ex-Governadores e o atual Governador Camilo Santana, que, com o seu compromisso, tem demonstrado que o Ceará precisa avançar mais ainda nessas conquistas, sobretudo pelas dificuldades por que atravessamos, com uma conjuntura econômica adversa e também com uma estiagem que já ultrapassa os 6 anos, embora haja boas notícias de um bom inverno em nosso Estado.
Por isso, eu quero fazer o registro dessa obra, desse investimento tão importante, que vai ampliar a participação do PIB do Ceará no cenário nacional e vai distribuir mais riquezas. À medida que a produção industrial do nosso Estado for intensificada, haverá crescimento da economia, com geração de emprego, de renda, inclusive com distribuição de riqueza para os demais Municípios do Ceará.
Muito obrigado, Sr. Presidente.

PRONUNCIAMENTO ENCAMINHADO PELO ORADOR

Sr. Presidente, Sras. e Srs. Deputados,
telespectadores da TV Câmara, demais meios de comunicação e mídia que nos acompanham cotidianamente, venho a esta tribuna destacar que ontem, 4 de abril, aconteceu na Doca Elevada da Zona de Processamento de Exportação - ZPE-CE, evento para celebração das conquistas e da representatividade na economia cearense da Companhia Siderúrgica do Pecém - CSP que representarão 50% do total do PIB industrial cearense.
A Companhia Siderúrgica do Pecém é uma realização histórica, que traz um novo campo de investimentos e oportunidades para o povo do Ceará.
Durante o encontro, foram apresentados números do maior investimento privado na Região Nordeste do Brasil e demonstrações da mudança de patamar do setor industrial do Estado desde a instalação do projeto. Dentre os avanços proporcionados pela siderúrgica, destacou-se o anúncio de investimento de R$ 540 milhões anuais no Estado.
A instalação da área de indústria no Pecém significa uma conquista muito importante que contou com o apoio e trabalho da bancada do Ceará aqui no Congresso Nacional, através de destinação de emendas, que leva a um processo de mudança no perfil econômico do Estado do Ceará e geração de novas oportunidades, pois o Produto Interno Bruno - PIB do Ceará aumentará em mais de 10% com as atividades da CSP, e suas atividades representarão 50% do total do PIB industrial cearense.
Eu gostaria que todos os cearenses tivessem a oportunidade de conhecer a siderúrgica do Pecém. Talvez a gente não tenha a dimensão do que representa esse empreendimento dentro de um Estado do Nordeste, um Estado pobre que quase todo está no Semiárido. A Companhia Siderúrgica do Pecém é responsável hoje, no Ceará, por gerar 5 mil empregos diretos e 12 mil indiretos. No último mês de fevereiro, o valor das exportações cearenses foi de US$ 175,4 milhões, diante de US$ 80,9 milhões registrados no mesmo mês em 2016 - um aumento de 116,76%, conforme o Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará - IPECE, ligado à Secretaria de Planejamento e Gestão do Estado do Ceará - SEPLAG. A companhia lidera a pauta de exportação do Estado com 61,1% do volume total. Foram US$ 197,152 milhões exportados nesta categoria no ano passado, uma performance 926% maior do que em 2015, com US$ 19,214 milhões.
Sobre a CSP:
Instalada no Complexo Industrial e Portuário do Pecém - CIPP, a Companhia Siderúrgica do Pecém - CSP é um empreendimento conjunto formado pela mineradora multinacional Vale (50%), uma das maiores do mundo em minério de ferro, e as sul-coreanas Dongkuk (30%), maior compradora global de placas de aço, e Posco (20%), quarta maior siderúrgica do mundo e a primeira da Coreia do Sul.
As placas de aço produzidas pela CSP já foram exportadas para diversos países como Alemanha, Coreia do Sul, Estados Unidos, Indonésia, Itália, Marrocos, México, Reino Unido, República Tcheca, Tailândia, Taiwan e Turquia, espalhados em quatro continentes (Ásia, Europa, Américas e África). Para o ano de 2017, a empresa estima exportar cerca de 2.899 milhões de toneladas de placas de aço, com previsão de faturamento de US$ 1.060 milhões.
Muito obrigado.



COMPANHIA SIDERÚRGICA DO PACÉM (CSP), SÃO GONÇALO DO AMARANTE (RN), INÍCIO, ATIVIDADE.
oculta