CÂMARA DOS DEPUTADOS - DETAQ

Sessão: 200.3.53.O Hora: 16h16 Fase: OD
  Data: 12/08/2009

Sumário

Presença do orador na posse da nova direção da União Nacional dos Estudantes - UNE. Conveniência de visita do Presidente deposto de Honduras José Manuel Zelaya à Câmara dos Deputados.

O SR. ARLINDO CHINAGLIA (PT-SP. Pela ordem. Sem revisão do orador.) - Sr. Presidente, acabei de chegar ao plenário e estava ouvindo o Deputado Ivan Valente. Eu estava numa cerimônia em que V.Exa. já esteve, que é a da posse da nova direção da União Nacional dos Estudantes, e lá o Senador Inácio Arruda informou-me dessa recepção que está ocorrendo neste momento do Presidente de Honduras, do Presidente Zelaya, e então indagou-me, e dei minha opinião, obviamente em caráter individual, mas com um componente de análise, da possibilidade de ele ser recebido no plenário da Câmara dos Deputados. Eu disse que creio que o Presidente Michel Temer o faria com, digamos, imenso prazer, pelo democrata que é, e pelo símbolo, digamos, de luta pela democracia que hoje representa a volta do Presidente Zelaya à, digamos, sua função legitimamente conquistada em processo eleitoral.
Não sei se vai haver essa possibilidade a partir do cerimonial, mas, se V.Exa. me autorizar, ou a qualquer outro Parlamentar, poderíamos informar ao Senador Inácio Arruda essa possibilidade, porque creio que, quando o Governo brasileiro recebe o Presidente Zelaya com honras de Chefe de Estado, isso tem um simbolismo. Ele ser recebido aqui por V.Exa., é ocioso dizer, tanto a V.Exa. quanto aos pares, da importância da mensagem que o Parlamento brasileiro vai dar aos outros Parlamentos em âmbito mundial, a partir dos países da América Latina, a partir do continente americano.



ARLINDO CHINAGLIA, DEPUTADO FEDERAL, PRESENÇA, POSSE, DIREÇÃO, UNIÃO NACIONAL DOS ESTUDANTES, UNE. MANUEL ZELAYA, PRESIDENTE DE REPÚBLICA ESTRANGEIRA, PAÍS ESTRANGEIRO, HONDURAS, CONVENIÊNCIA, VISITA, CÂMARA DOS DEPUTADOS.
oculta